• Eletrocardiograma

    Eletrocardiograma

  • Risco Cirúrgico

    Risco Cirúrgico

  • 1
  • 2
  • 3

Canal de Vídeos - Entrevistas com Dr. Marcelo Assad

Últimas Publicações

Dicas do Dr. Assad

Material do Aluno

Dicas de Saúde

Links Importantes

homem infartando

Atenção com a alimentação ajuda a combater as taxas elevadas

No próximo dia 8 de agosto é comemorado o Dia Nacional do Controle ao Colesterol, apontado como um dos principais causadores de mortes por doenças cardiovasculares no mundo. Segundo dados do Serviço de Prevenção Cardiovascular e Aterosclerose do Instituto Nacional de Cardiologia (INC), 60% dos 250 pacientes que estão em atendimento hoje são homens, com faixa etária de 59,5 anos, a maior parte já infartados ou submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio ou angioplastia

Os números também mostram que o tratamento intensivo e multidisciplinar reduziu, em média, durante quatro meses de tratamento, o colesterol total em 63mg/dl, o LDL em 53mg/dl e o triglicerídeo em 185mg/dl. Segundo o cardiologista Marcelo Assad, chefe do setor no INC, existem dez passos, aprovados pelo Ministério da Saúde, para combater estes vilões silenciosos.

“Não pular as refeições, dar preferência aos grãos integrais, consumir três porções de legumes e verduras e frutas, acrescentar feijão com arroz diariamente às refeições, beber leite desnatado e comer carnes magras, usar azeite, evitar doces e açúcar, consumir sal com moderação, ingerir líquidos adequadamente e praticar atividade física programada”, enumera.

A nutricionista Annie Bello, do Serviço de Prevenção Cardiovascular e Aterosclerose do INC, alerta que a ingestão de alguns alimentos pode ajudar a prevenção do aumento das taxas no organismo.

“O ideal é que sejam consumidos alimentos integrais, que são ricos em fibras solúveis, o que ajuda a reduzir a absorção do colesterol dietético. Lembrando que temos também as frutas como excelente fonte de fibras. A gordura monoinsaturada, a exemplo do azeite, tem o papel de reduzir o colesterol total, sem reduzir o HDL, devendo ser consumida crua, ou seja, sem aquecer. Mas devemos lembrar que é uma fonte calórica, assim como qualquer outra gordura, devendo, portanto, ser consumida com moderação”, alerta a nutricionista.

Outro alimento importante para uma dieta saudável, segundo Annie, é o peixe, excelente fonte de Omega 3, um tipo de gordura essencial para o corpo e que também melhora o perfil lipídico.

Os frutos oleaginosos, como castanhas, nozes, amêndoas e avelãs, além de serem ricos em gorduras polinsaturadas e monoinsaturadas, têm um conteúdo altíssimo de selênio, que ajuda a combater o estresse oxidativo e o envelhecimento.

Um cuidado a ser seguido, segundo a nutricionista, é com ingestão de vinho em grande quantidade. “O ideal é que sejam consumidas duas taças para os homens e uma para as mulheres, já que a quantidade em excesso aumenta o triglicerídeo.”

Dicas para reduzir o índice de LDL no sangue:

  • Um mix de frutas com aveia pelo menos uma vez ao dia pode ajudar a baixar o colesterol ruim (LDL), pois a aveia e as frutas ajudam a diminuir a reabsorção do colesterol. Isso ocorre devido à grande quantidade de fibras solúveis e insolúveis. Ex: morango, abacaxi e manga com aveia.
  • Os alimentos integrais também ajudam devido ao alto teor de fibras, assim como algumas sementes. Ex: Psyllium e linhaça.
  • Já o azeite extra virgem pode contribuir para aumentar o HDL, mas não deve ser exposto a altas temperaturas. Ex: pão integral regado a azeite e orégano.
  • Peixes de água fria, como a truta e o salmão, além da sardinha, corvina e anchova, tainha e linguado também são indicados pelo alto teor de Ômega 3.
  • Ingerir de uma a duas unidades ao dia de oleaginosos como nozes, amêndoas e castanha do Pará, sem serem salgados.
  • E para finalizar, está comprovado que toda e qualquer atividade física regular e continuada também ajuda a aumentar o HDL, o bom colesterol.

    Fonte: http://oglobo.globo.com/vivermelhor/mat/2011/07/01/com-coracao-no-ritmo-certo-cardiologistas-ensinam-prevenir-ataque-924818197.asp

Visitantes

1.png3.png0.png3.png7.png0.png
Hoje4
Ontem68
Esta semana274
Este Mês1868
Total130370

Sexta, 28 Janeiro 2022 01:58

Calcule Seu Risco Cardíaco

Imprensa

Dr. Marcelo Heitor Vieira Assad

Dr.Marcelo.AssadEspecialidades

Cardiologia - Medicina Intensiva

  • Mestre em Cardiologia pela UERJ
  • Fellow of the American College of Cardiology
  • Residência em Cardiologia pelo Instituto Nacional de Cardiologia
  • Título de especialista em Cardiologia pela SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia)
  • Título de especialista em Terapia Intensiva pela AMIB (Associação Médica Intensiva Brasileira)
  • Coordenador do Serviço de Lípides e Diabetes do Instituto Nacional de Cardiologia.
  • Diretor da SOLAT (Sociedade Latino-americana de Aterosclerose)
  • Presidente eleito do Departamento de Cardiologia Clínica da SOCERJ (2018-2019)
  • Diretor Presidente da FUNDACOR (Fundação Pró-Coração)
  • Ex-Presidente do Departamento de Doença Coronária da SOCERJ - (2007-2009)
  • Ex-Diretor financeiro do Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia (2011-2013)
  • Ex-Presidente do Corpo clínico do Instituto Nacional de Cardiologia - (2009-2013)
  • Ex-Coordenador da Divisão de Procedimentos Clínicos do Instituto Nacional de Cardiologia